segunda-feira, 23 de maio de 2011

Coisas idiotas que eu já fiz por amor



Coisas idiotas que já fiz por amor






Amar é por definição fazer coisas idiotas, pois o amor te liberta dos limites e de boa parte das restrições sociais.

Amar é se mover e realizar coisas com mais intensidade.

Amar é sair do morno e se permitir ousar.

Amar é assumir riscos para estar juntos e criar algo melhor.

Amar é prestar atenção no outro, valorizar o outro e ter prazer com o prazer do outro.

Amar faz as pessoas fazerem coisas que não teriam motivação se não fosse este sentimento divino.

Por amor já assisti filmes idiotas, fui a palestras idiotas, escutei conversas idiotas.

Por amor li menos livros, viajei para onde não queria.

Por amor não pulei carnaval, perdi jogos de futebol e larguei minha família para passar o natal dentro de um centro de saúde.

Por amor escrevi poesias, fiquei olhando alguém dormir, tive vontade de ficar abraçado com ela até morrer de fome.

Por amor fiquei horas memorizando cada centímetro do corpo que amava.

Por amor fiz tantas coisas, mas tantas coisas, que minha vida é muito mais bela hoje porque fui e continuo sendo um idiota que faz coisas idiotas por amor. 

Acho que amar sem ser idiota não tem a menor graça.

Quem não é um idiota no amor sorri mesmos, tem menos tesão, tem menos disposição.

Na realidade, acho que todos deveriam ser um pouco idiotas na vida. Assim haveria mais verdade e mais espontaneidade.

Pessoas que se reprimem em demasia querem ser outra pessoa que não elas mesmas. Ou seja, desprezam o que são e ficam cheios de neuroses e de regras.

Existe um ditado antigo: quem não vive, não deixa os outros viverem.

Perdem a alegria e a espontaneidade. Para suprir o vazio começam a criar regras e "modinhas" para os outros seguirem.

Cada vez que fui idiota, fui mais eu. Fui mais amor, fui mais alegre e mais feliz.

Não me arrependo. Mesmo quando não deu certo, virou risada. Sim, hoje lembro de muitas idiotices (mesmo as que não deram certo) e dou altas risadas.

As risadas me avisam: continue sendo um idiota no amor.


Regis Mesquita
https://twitter.com/mesquitaregis


PS: no meu livro sobre reencarnação, existe alguns capítulos sobre amor, reencarnação e relacionamentos.

Será muito legal se você puder lê-lo e aprender mais sobre a arte do amor ao longo de todas as vidas.

O livro chama-se Nascer Várias Vezes.

Saiba quais são os capítulos do livro. http://www.nascervariasvezes.com/p/o-livro.html


Saiba como e onde obter seu exemplar do livro Nascer Várias Vezes http://www.nascervariasvezes.com/p/onde-comprar.html







Clique em "Curtir Página" para curtir nossa página





Atenção: 

receba todos os novos textos do site Psicologia Racional no seu email. Na coluna da direita tem um lugar para digitar seu email (será mandado um email de confirmação, clique no link deste email para efetivar a inscrição). Outra opção é você se tornar seguidor do site.

É simples! É rápido! É fácil!



Leia também:


A paixão se transformando em amor

Pablo Neruda, o poeta, explica os dois caminhos da vida e do amor

Cérebro e amor: o corpo planejado para ajudar a evolução do espírito

Amor, como não deixá-lo morrer?

Dezenas de textos sobre casamento, namoro e relacionamentos

Paixão nasce do egoísmo. Amor nasce do altruísmo. É boa fortuna manter o equilíbrio.

Vários textos explicativos sobre a forma do ego gerar felicidade ou infelicidade

Frases para esquecer e não acreditar (para não diminuir seu prazer)

Mudar a vida é renascer para a vida



Amor, reação química e transformação. Carl Gustav Jung




O amor é uma força que pode ser sintonizada. 

E uma vez sintonizada deve ser seguida.

É isto que os espíritos puros fazem.

É isto que você está pronto para começar a fazer.

Em cada passo sentir esta força vibrando em ti e através de ti.

É o máximo do êxtase e da abertura para uma nova consciência.

Regis Mesquita


Conheça e estude os textos do Blog Caminho Nobre: http://caminhonobre.com.br/



Dica de Leitura:




Licença para reprodução dos textos do site Psicologia Racional, siga as instruções.





3 comentários:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...