sexta-feira, 6 de setembro de 2013

Pessoa satisfeita tem motivação para mudar, pessoa insatisfeita fica paralisada. Aprenda a sair da paralisia.



Viva feliz aproveitando do que você tem de melhor. Mude seu corpo se aceitando e se curtindo.





Observe a foto acima. Uma mulher obesa, vestida de anjo, se divertindo com os seios de fora.

É uma foto fantástica, porque mostra que a felicidade independe do corpo que cada possui. Depende mais de uma decisão: vou aproveitar as oportunidades que tenho e vou aproveitar do que sou.

Suponhamos que esta mulher quisesse, por exemplo, emagrecer. Seria mais fácil ela emagrecer, pois já teria sua recompensa.  Ou seja, é sempre mais fácil lutar para atingir um objetivo quando se está feliz. Se ela estiver insatisfeita, com vergonha de si e baixa autoestima é mais difícil atingir seus objetivos.

Lembre: é mais fácil mudar quando a pessoa está satisfeita e quer ficar melhor.

O que as pessoas são é o bastante para elas serem felizes. A condição para gerar a felicidade é aproveitar e valorizar o que se é.

Se a pessoa tiver algo bom e não usar estará se sabotando.

A vida de cada um é composta de facilidades e dificuldades. Se a pessoa despreza as facilidades sobrarão as dificuldades. Fica difícil ser feliz vivendo somente as dificuldades.

Esta é a era do narcisismo, uma era muito negativa. O princípio básico deste negativismo é produzir angústia, ansiedade e pensamentos recorrentes ao desvalorizar o que a pessoa é. Este padrão é a antítese da mudança, pois paralisa e desgasta as pessoas.

Uma das propagandas mais idiotas e eficientes que já vi foi de um remédio para emagrecer. Era uma série de depoimentos de mulheres dizendo o que fariam se fossem mais magras. Estes "depoimentos" são o retrato da autossabotagem disfarçada de esperança no futuro. A esperança, no caso desta propaganda, é comprar o tal remédio para emagrecer. Com o remédio elas teriam um corpo mais bonito e poderiam curtir a vida.

Aquelas mulheres são o protótipo do autoboicote: buscam situações ideais para fazer o básico na vida. Desta forma ficam paralisadas e, portanto, com menos força para se transformarem e melhorarem.




Uma delas dizia que se ficasse mais magra poderia fazer sexo gostoso. Na realidade, ela pode fazer sexo gostoso com o corpo que possui. O problema é a cabeça dela, que a boicota. Se ela não parar de se boicotar terá serias consequências: ficará a vida inteira à procura de um remédio que a ajude a ficar feliz.

Clique Aqui
Você acha que alguém que se boicota vai deixar de se boicotar porque tomou um remédio? Não vai. Ela continuará se boicotando, continuará infernizando sua própria vida.

A teoria de que é o negativo/sofrimento que faz as pessoas mudarem é uma furada. Dá certo uma vez e dá errado mil vezes.

Pessoas insatisfeitas começam e desistem. Pessoas satisfeitas começam e tem motivação para persistir. No final, quem muda mais são os satisfeitos que buscam ficar melhor.

Se ajude a mudar. Aproveite quem você é, do jeito que é. Aproveite as oportunidades que estão na sua frente. Desfrute do seu corpo como ele é. Valorize sua família, seus amigos, a roupa que possui, etc. Tenha gratidão e reconhecimento pelos recursos que já possui. Use-os!

Lembre disso: para atingir os seus objetivos, comece por aproveitar o que você é.

Saiba mais sobre autossabotagem; dezenas de textos para você escolher: clique aqui.


Autor: Regis Mesquita
https://twitter.com/mesquitaregis



Dica: receba todos os novos textos do site Psicologia Racional no seu email. Na coluna da direita tem um lugar para digitar seu email (será mandado um email de confirmação, clique no link deste email para efetivar a inscrição). Outra opção é você se tornar seguidor do site.


É simples! É rápido! É fácil!



Clique em "Curtir Página" para curtir nossa página no Facebook




Para ser cada vez melhor identifique suas qualidades para superar seus limites











PS: agradeço às pessoas que acompanham o site Psicologia Racional, seja recebendo as mensagens via email, sendo seguidoras ou visitando-o de vez em quando. De “boca em boca” os números estão aumentando. Sua participação na divulgação do site é fundamental.

Obrigado!











Se você tem algo bom e não usa, você está se sabotando. Autossabotagem  autodestruição



Licença para reprodução dos textos do site Psicologia Racional, siga as instruções

3 comentários:

  1. Que bacanaaaa!! Só isso!!!

    ResponderExcluir
  2. É muito bonito e na teoria. Mas na pratica é contradizente e duvido que seja funcional.Para a mente, se tu quer mudar algo é porque tu nao ta feliz com esse algo...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esta é a forma da mente reativa funcionar: ela tende a paralisia quando está tudo bem. O único estímulo para a mudança é o negativo.

      Existem outras formas da mente funcionar. Exemplo: uma pessoa que adora cozinhar está sempre inovando e aprendendo novos pratos. Ela curte cozinhar, este curtir gera movimento, mudança, aprendizado,etc.

      Aliás, as pessoas que mais mudam são as felizes. São os infelizes que geralmente ficam paralisados.

      Conheça o blog Caminho Nobre, lá estude a mente reativa e a mente clara. http://caminhonobre.com.br/

      Excluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...