terça-feira, 29 de novembro de 2011

O desafio da gratidão contra a insatisfação



O grande desafio da gratidão contra a insatisfação



Regis Mesquita



O que você é e o que você tem é o bastante para estar satisfeito. Caminho Nobre



Quando sentir insatisfação lembre-se da frase acima e comece a agradecer tudo de bom que possui e é.

A gratidão é uma forma de manter na memória consciente o histórico de sensações e sentimentos nobres e de valorizá-los.

Em situações normais o ser humano age de acordo com a mente reativa. Ele esquece o que é bom e nobre, e foca a consciência no que é negativo.

Ou seja, se você fizer o bem para esta pessoa ela esquecerá. Mas, se você fizer algo que ela não goste, ela se lembrará para sempre.

Este é um dos motivos da insatisfação constante das pessoas.

A gratidão ajuda a reverter este padrão (migrar para a mente clara).

Comece a mudar cultivando a gratidão. Procure se lembrar das possibilidades que estão na sua frente, que estão no aqui e agora. Após se lembrar, passe para a ação.

Por exemplo:

Obrigado por ter pernas saudáveis  (use-a para caminhar ou dançar, por exemplo).

Obrigado pelas bonecas que tenho  (vá brincar ou cuidar das bonecas).

Obrigado por gostar tanto de meu amigo Manoel (procure o Manoel, ligue, faça algo que ele goste).

A gratidão reforça a memória positiva,

realça o que é bom e está escondido ou desprezado,

produz inovações na rotina,

gera energia para a ação,

permite aproveitar melhor o que já conquistamos e o que somos.



Pratique este desafio durante 40 dias.

Para intensificar sua experiência: nestes 40 dias não faça nada “novo” que não tenha sido despertado pela gratidão.

Convoque as pessoas que você gosta para este desafio.

Não se esqueça de compartilhar suas experiências aqui, conosco.

Escreva seus comentários sobre seu "desafio da gratidão contra a insatisfação".



Mais informações sobre gratidão, mente clara e mente reativa você encontra no blog Caminho Nobre: http://caminhonobre.com.br/



Acompanhe o site Psicologia Racional no Facebook. Curta a página http://www.facebook.com/FilosofiaDoBomHumor



Uma pesquisa interessante sobre a gratidão (em inglês): Development of a positive psychology intervention for patients with acute cardiovascular disease








Eu agradeço muito se você recomendar esta postagem no G+, curtir no Facebook, retuitar ou mandar o link via email.



Leia também:


O primeiro passo para mudar a realidade é mudar você mesmo 

Tentar ser o que não se é gera neurose, depressão e aumenta a baixa autoestima

Frases para esquecer e não acreditar (para não diminuir seu prazer)

2 comentários:

  1. Voltei para dizer que foi fantástico. Lá pelo 15 dia comecei a sentir uma paz que nunca senti. Mudei hábitos.
    Fiz um diário de cada dia. Você podia incentivar as pessoas a escreverem.
    Letícia Rodrigues

    ResponderExcluir
  2. Também fiz. Vi o comentário e resolvi escrever um diário. Já estou me programando para fazer de novo. Agora entendo o que você explica da sintonização no seu site Caminho Nobre.
    Antenor Oliveira

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...