sábado, 18 de abril de 2015

Miseráveis do Bolsa Família tem menos filhos. Bolsa Família ajuda a diminuir a taxa de natalidade dos beneficiários.



Bolsa Família, muita gente fala mal, pouca gente sabe a verdade






Paciência para observar a realidade e aprender com ela.

O programa Bolsa Família foi criado em 2003. Há mais de 10 anos atrás.

Uma grande acusação contra o programa era de que as mulheres mais pobres teriam mais filhos para ganhar mais dinheiro do programa.

O tempo passa. E agora pode-se saber a realidade: as famílias que recebem o dinheiro do Bolsa Família estão tendo MENOS filhos.

O número de filhos está diminuindo em todas as faixas sociais. A MAIOR  diminuição se dá entre os beneficiários do Bolsa Família.


Em abril/2015 foi apresentado pelo IBGE os números do último Programa Nacional por Amostra de Domicílio (PNAD).

Eles mostram o seguinte (valores de 2003 e 2013):

O número de crianças de até 14 anos caiu 10,7% no país.

Entre os mais pobres, os miseráveis, o número de menores de 14 anos caiu 20%.

No Nordeste, onde há maior número de beneficiários do programa, houve uma diminuição ainda MAIOR do número de filhos: caiu 26,4%.

Os mais pobres do Nordeste tem atualmente, em média, dois filhos.

Isto significa que aquelas famílias miseráveis enormes estão cada vez mais raras.

Estas famílias numerosas continuam muito presente nas fotos dos jornais, criando uma falsa impressão de que continuam comuns.

Mas, na realidade, estas grandes famílias estão DIMINUINDO muito.

(A média de filhos nas famílias brasileiras em 2013 é de 1,6 filhos).








Quanto melhor as condições de vida, menos filhos as famílias têm, em média.

O aumento contínuo e real do salário mínimo, mais o PRONAF e o Bolsa Família (além de maior escolaridade) geraram uma melhoria considerável na vida dos mais pobres.

Com mais dinheiro, os mais pobres tomaram as mesmas decisões que outros setores da sociedade também tomaram: quero ter menos filhos.

Simples e real.

O resto é fantasia e prazer em praticar a maledicência.



O site Psicologia Racional tem mostrado a importância de observar a realidade e ter paciência para aprender.

Pessoas que costumam julgar os outros e praticar a maledicência (falar mal dos outros) gostam da rapidez.

A paciência e a realidade cortam o prazer das fantasias e do veneno que gostam de divulgar.



O que faz uma pessoa de classe média ou alta afirmar que uma mulher pobre tem mais filhos para ganhar mais dinheiro do Bolsa Família?

Provavelmente, ela vê à sua volta pessoas fazendo tudo por dinheiro. Famílias sendo destruídas por dinheiro, sonegação, tramoias, egoísmos, críticas constantes.

Se à sua volta é assim, porque entre os mais pobres seria diferente?

Topa tudo por dinheiro age assim: ter mais filho para receber mais dinheiro.

Geralmente, os julgamentos dizem muito das pessoas que julgam. Uma forma boa de conhecer as pessoas é observar como elas julgam as outras pessoas.

Neste julgamento tem um erro e uma verdade.

A verdade é que a ganância não tem classe social.

A mentira nasce da crença de que podemos entender os outros baseado no que somos.

Com mais dinheiro no bolso, os miseráveis cortaram o número dos filhos.

Exatamente o mesmo que a classe média fez ao longo das décadas passadas.

Só que esta mudança de comportamento dos mais pobres está sendo bem mais rápida.



Aprenda: não existe forma melhor de praticar a bondade do que ter paciência e evitar julgar as pessoas.

Esta prática também serve para diminuir o stress e evitar conflitos inúteis.

Mantenha sua mente serena, observe a realidade e viva com mais paz e sem prejudicar outras pessoas.


PS: no meio deste texto estão espalhados links para outros textos que podem ser do seu interesse. Clique e leia os outros textos também.


Autor: Regis Mesquita



Agradeço muito se você recomendar esta postagem no G+, curtir no Facebook, retuitar ou mandar o link via email.




Atenção:

receba todos os novos textos do site Psicologia Racional no seu email. Na coluna da direita existe um lugar para digitar seu email (será mandado um email de confirmação, clique no link deste email para efetivar a inscrição). Outra opção é você se tornar seguidor do site.

É simples! É rápido! É fácil!





Bolsa Família, o resultado é que os beneficiários tem menos filhos







Leia Também:


Não se preocupe com os outros, a não ser para ajudá-los

Neste momento eu tenho o suficiente para ser feliz?

Obrigado por me dar desafios que não quero

A quietude da mente gera paz e serenidade

Tenha o interesse em não atrapalhar a vida de ninguém

Corrupção: a verdade aparece quando há coragem para observar e investigar

Estratégias para viver melhor e sem ansiedade. Aprenda a usar as refeições para ter mais satisfação e comer menos.




Dica:

Deseja ler mais textos sobre “Comportamento”? Na coluna da esquerda, vá até o marcador “Comportamento”, clique nele que abrirão dezenas de textos. É só escolher o que deseja ler.


















Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...