domingo, 12 de junho de 2011

Paixão nasce do egoísmo. Amor nasce do altruísmo. É boa fortuna manter o equilíbrio.


i Ching: devo continuar namorando com ela? Hexagrama 60




Por Regis Mesquita



Namoro gera muitas dúvidas. Algumas ferramentas podem ajudar na reflexão sobre o que fazer. Uma que eu gosto é o livro I Ching.

O texto abaixo foi escrito quando tinha 18 anos, ao jogar o I Ching para a pergunta: vale a pena continuar envolvido com fulana de tal?

Saiu o hexagrama 60 - CHIEH - Limitação

Ao lê-lo fiz esta reflexão:

A capacidade de se apaixonar é um ato egoísta, pois eu quero algo que é bom para mim e que me interessa. A capacidade de manter a paixão é um ato altruísta. Servir, cuidar, amparar, gerar segurança, perceber a necessidade alheia - tudo isto é o que amplifica a paixão e permite que o amor se expresse.

Se o altruísmo se impor virá a perda de limites e o "lago pode transbordar". Se o egoísmo se impor não haverá "água para encher o lago". Portanto, necessário é equilibrar até o que é bom.

O I Ching diz que limitação é sucesso. Ao limitar o que colocarei no lugar? Estudo, minha família, meus amigos e meus livros.

O I Ching diz: "aquele que não conhece limitação alguma terá motivo para lamentar-se". Tenho que ser completo, não posso me limitar a ela. Minha vida ficará pobre, se restringir a ela. Vou lamentar futuramente. Eu tenho que seguir o que sou, se ela entrar para ampliá-la será bom. Se ela restringir, será ruim.

LEIA TAMBÉM: Uma vida simples para ter tempo para amar. Aprendendo a criar as condições para o amor fluir em sua vida

Equilíbrio! Vou ser o que eu já era com ela. Ou ser o que eu já era sem ela. Jamais serei com ela menos do que eu era.

Contextualizando: sempre estudei muito. Ela exigia minha atenção constantemente. Minha indecisão vinha do fato de: para dar mais atenção à ela teria que diminuir meu tempo de estudos ou deixar de fazer exercício físico.

Ela estudava uns 10% do que eu estudava. Sobrava tempo, tempo que ela queria aproveitar comigo. Um gesto de amor que só existia porque ela se descuidava de uma parte de sua vida. Este interesse me cativava, mas teria consequências sobre meu futuro profissional.


Hoje entendo de modo mais claro que o amor somente se consolida de forma saudável quando torna-se altruísta. Ou seja, quando os esforços e as lutas do parceiro são valorizados e entendido como ganho para ambos.

LEIA TAMBÉM: Mente Neutra, a mente que abraça o amor


PS: até hoje penso da mesma forma: todo relacionamento deve servir para ampliar as vivências das pessoas, e não reduzi-las.



SIGA A PSICOLOGIA RACIONAL NAS REDES SOCIAIS









No meu livro Nascer Várias Vezes existem alguns capítulos que explicam
o amor na vida das pessoas.

Clique aqui e saiba quais são os capítulos do livro.

Leia gratuitamente uma amostra do livro Nascer Várias Vezes (clique em "Dê uma olhada").






Para refletir:


“A evolução do espírito deve ser constante, assim, a evolução do casal também deve ser constante.”

Trecho do livro Nascer Várias Vezes



Quando a paixão deixa de ser forte o vínculo entre o casal pode entrar em risco. 
É necessário cultivar carinhos, atenção, dedicação e intimidade. 
Mas, é necessário mais do que isto. 
São necessários novos interesses e aprendizados. 
A evolução constante de cada um é a forma mais interessante e satisfatória de sempre reciclar o vínculo e, ao mesmo tempo, atingir níveis vibracionais mais elevados. 
A evolução permite a vivência mais intensa do amor.

Este crescimento para além do casamento ou do namoro ajuda a dar solidez no vínculo. Ajuda também a amadurecer e aumentar a experiência de cada membro do casal.

Crescer dentro do relacionamento e além dele é um ato de sabedoria que ajuda o vínculo a se renovar sempre.


Autor: Regis Mesquita
Contato e Terapia: regismesquita@hotmail.com




Casamento. Quem sabota seu crescimento será sempre o primeiro a te desprezar se você se tornar menos do que poderia ser.




Para refletir 2:

"Aprender é colocar novos limites na vida. Novas potencialidades levam à novas escolhas. 

Nunca, jamais, você encontrará algo que não precise de renovação. Sem a renovação vem a decadência. 

Qualquer relacionamento (namoro, amizade, casamento, etc) que não se renova e não cria novas fontes de satisfação tende a perder a vitalidade e gerar distanciamento. 

A vida rica, portanto, é repleta de pequenos recomeços que geram grandes resultados."

Autor: Regis Mesquita

Quero conhecer o Livro Nascer Várias Vezes
https://www.nascervariasvezes.com/p/introducao-do-livro.html















Paixão nasce do egoísmo. Amor nasce do altruísmo. É boa fortuna manter o equilíbrio.


USE O JEJUM PARA ELEVAR AS VIBRAÇÕES, aqui, aqui ou aqui




DIREITOS AUTORAIS

 

Os textos do Blog PSICOLOGIA RACIONAL, escritos pelo seu autor Regis Mesquita, estão REGISTRADOS e PROTEGIDOS.

 

Licença para reprodução dos textos do site Psicologia Racional, siga as instruções.







2 comentários:

  1. Hoje 12 de Junho de 2012 eu li essa mensagem.
    Adorei!


    Gabryela Padua

    ResponderExcluir
  2. JAMAIS DEVEMOS SER, VIVER EM FUNÇÃO DE ALGUÉM OU DE ALGO!

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...