segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

Você se conhece através daquilo que você presta atenção. Pessoas negativas criando o próprio sofrimento.



Pessoas negativas só conseguem te desanimar se você permitir. Não seja influenciado.




Tem gente que só presta atenção às coisas ruins.

Fica lembrando das coisas ruins, conversa sobre as coisas ruins.

A mente fica controlada pelas coisas ruins.

O que é bom ou neutro passa desapercebido.

Como é que esta pessoa vai notar um gesto de carinho ou de respeito?

Vai ser difícil notar.

E, se notar, logo vai esquecer.

O que é ruim domina a mente e coloca o que é bom ou neutro para "escanteio".

São pessoas treinadas para perceber e manter ativo na mente o que é ruim.

A consequência?

Pessoas cansadas, cheias de mágoas, raiva, decepções, com milhares de pensamentos na cabeça.

Estas pessoas são as primeiras a precisarem do consumismo, da vaidade e do orgulho para ter alguma compensação.

Você se conhece através daquilo que você presta atenção.

Não, não tente se enganar.

Você pode observar centenas de coisas; mas, o que dominará sua mente serão aquelas que ficarem fixadas na sua mente.

Uma mulher casou com um homem que tinha uma excelente família. Todos eram amigos, solidários e incentivadores.

Ela vinha de uma família crítica e pouco presente.

A consequência é que o casal passava muito mais tempo com a família do marido.

A esposa crítica, se revoltava. Ela prestava atenção no menor tempo gasto com a família dela. E o criticava.

Ela veio de uma família crítica. Continuou criticando. Para criticar precisava manter na consciência o conflito.

Ela conseguiu: brigou inúmeras vezes com o marido.

Uma vida de críticas gera brigas, gera distância, gera pouco envolvimento.

A esposa escolheu continuar sendo o que sempre foi. Não usou a boa experiência da vida conjugal para ser mais amável e companheira.

Ela prestou atenção na diferença de tempo de convivência entre as famílias, elevou esta característica à máxima importância e gerou o conflito.

Ela percebia várias qualidades, mas não eram elas que dominavam sua vida.

Esta é a vida de todos nós.

Escolhemos algumas coisas para dar importância. É através destas escolhas que reproduzimos o que temos de melhor e de pior.

Pessoas negativas nem sempre se consideram negativas.

O negativismo, assim como a maldade, possui várias máscaras. Ele aparece de várias formas. Mas, sempre produzem sentimentos menos nobres no interior da pessoa.


Contraponto: até que ponto o positivo é realmente bom?

"Ao analisar centenas de equipes, Losada determinou que os mais competentes tinham uma proporção positivo/ negativo de pelo menos 2,9 bons sentimentos para cada momento negativo (há um limite máximo para a positividade: acima de uma razão Losada de cerca de 11:1 as equipes aparentemente ficam eufóricas demais para serem competentes).  A mesma faixa de proporção se aplica para as pessoas que prosperam na vida" (leia mais)


Dica: Você é assim? Quer mudar? Leia os textos do blog Caminho Nobre, aprenda a sair da mente reativa e desenvolva a mente positiva.



Autor: Regis Mesquita

https://twitter.com/mesquitaregis




A pessoa grata tem mais boa vontade, mais equilíbrio e mais energia positiva. Valorize quem te faz o bem. Gratidão



Os bons pensamentos possuem uma característica: aceitam riscos.
Quantas vezes uma cozinheira dedicada escuta críticas deseducadas?
Quantas vezes o fazer bem feito se transforma em desprezo?
Muitas, e sempre será assim.
A cozinheira dedicada manterá a dedicação se privilegiar o que ganha de elogios e satisfação pessoal.
Focar em ganhar e dar pouco valor à perda.
Oferecer o que é bom e suportar o negativo.
Uma mente presa nos maus pensamentos faz o contrário: foca a perda e diminui os ganhos.
Se você quer uma mente em paz terá que tolerar os riscos.
Se os riscos forem intoleráveis, terá que mudar sua vida.
Mas, tenha certeza, toda vida boa terá vários riscos.
É como diz o ditado: "só tem medo de ter o carro roubado quem possui um".

Regis Mesquita

Dica de Leitura:
Os desafios de quem evolui são vários e nem sempre são fáceis




Procure pelas oportunidades de exercitar a gratidão, benevolência, compaixão, tesão, perdão e outros sentimentos e sensações nobres.

A vida é composta de muitas partes. Às vezes, as melhores partes são deixadas em segundo plano ou não são desenvolvidas porque o foco da mente fica no conflito, na perda, na desilusão, no desejo e na simulação.

O objetivo é chegar a um nível de liberdade interior que te permita viver bem, mesmo quando existirem muitos eventos externos negativos.

Não é olhar o lado positivo e esquecer o negativo. É muito mais do que isto. É perceber o positivo e o negativo com a mente clara (neutra) repleta de compaixão e outros nobres sentimentos.

É emanar o que é nobre, para produzir em si mesmo a felicidade.

É ser o guerreiro que enfrenta o positivo (lembre: o positivo também é para ser enfrentado) e o negativo vibrando felicidade e paz interior.

É observar a realidade com paz interior.

Regis Mesquita
Blog Caminho Nobre


Texto originalmente postado na página Nascer Várias Vezes do Facebook




A PRÁTICA DO QUE É NOBRE FORTALECE O QUE É NOBRE E ENFRAQUECE O QUE É NEGATIVO

Ideias negativas que se mantêm vivas na sociedade dependem de espíritos que se negam a aprender, pois é através deles que continuam a circular. Por isto, é muito importante leis que penalizem a ação destas pessoas e, assim, as inibam em sua conduta negativa. A lei protege a vítima e o potencial infrator.

Não conseguindo agir segundo seus "instintos", o espírito que se nega a aprender, tem a oportunidade de observar os resultados de sua conduta correta. É desta forma que muitos espíritos encarnados se transformam interiormente: primeiro são obrigados a observar os resultados de ação correta. Segundo: por puro interesse descobrem que os melhores resultados aparecem a partir do que é nobre.

Por último, vem a mudança efetiva, pois a prática do que é nobre fortalece o que é nobre e enfraquece o que é negativo.

Trechos do livro Nascer Várias Vezes

Leia o livro Nascer Várias Vezes, um livro projetado para ajudar na sua evolução espiritual. 






Leia também:


Neste momento eu tenho o suficiente para ser feliz?

Estratégias para viver melhor e sem ansiedade. Aprenda a usar as refeições para ter mais satisfação e comer menos.

Regras simples para diminuir o stress

Poluição sonora e a diminuição da inteligência e da atenção em crianças

Para viver melhor: "abra os olhos", preste atenção e desenvolva sua sensibilidade

Distúrbio de atenção TDAH, porque tem tanto erro no diagnóstico? (a importância do movimento para a saúde psíquica das pessoas)

O Senhor Vishnu concede três pedidos. O negativismo te faz valorizar os problemas e esquecer os benefícios. Tenha a mente positiva e disciplinada.

Notícias negativas atraem mais leitores. Lady Gaga com carne na cabeça, Britney Spears e os paparazzis, Amy Winehouse e as drogas

A essência da autossabotagem: negativização da realidade e a busca de vantagens. Veja estes exemplos!




Acompanhe o site Psicologia Racional no
Facebook: https://www.facebook.com/apsicologiaracional/




Atenção: 

receba todos os novos textos do site Psicologia Racional no seu email. Na coluna da direita tem um lugar para digitar seu email (será mandado um email de confirmação, clique no link deste email para efetivar a inscrição). Outra opção é você se tornar seguidor do site.

É simples! É rápido! É fácil!




Licença para reprodução dos textos do site Psicologia Racional, siga as instruções







2 comentários:

  1. como fazer para mudar isso?

    ResponderExcluir
  2. Eu observo tanto o bom quando o ruim e muito bem e sofro com isso pois eu vejo o que outras pessoas fingem nao ver

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...